CONSUMARE realizou Assembleia Geral Ordinária para analisar e aprovar relatório de 2023

Noticias

CONSUMARE realizou a Assembleia Geral Ordinária, dia 12 de Abril, para analisar e aprovar o Relatório de Actividades e Contas 2023 e discussão de assuntos relacionados com os seus Estatutos e a comemoração do 10º aniversário da Organização.

A Assembleia Geral Ordinária realizou-se via plataforma online ZOOM com a participação da Presidente da Direção, Maria Inês Dolci (Proteste), da Vice-Presidente da Direção, Maria João Mendes (DECO), do Vice-Presidente da Direção, Alexandre Bacião (ProConsumers), da Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Alízia Zego (ADECO), do representante do Presidente do Conselho Fiscal, Ernesto Correia (ACOBES) e do Vogal do Conselho Fiscal, Fausto Lichucha (ProConsumers). Participaram também Jorge Morgado, Marilene Mariottoni, Cláudio Considera e António Silva, membros do Conselho de Especialistas. Participaram ainda o contabilista certificado da CONSUMARE, Vitor Marques, e a assessora da Direção, Graça Cabral.O Relatório de Actividades foi apresentado por Graça Cabral , tendo o Relatório e Contas 2023 sido explanado pelo contabilista certificado da Organização. Durante esta apresentação, destacaram-se as seguintes actividades:

  • a Assembleia Geral Ordinária realizada presencialmente, em Lisboa, no dia 31 de março de 2023;
  • a Assembleia Geral Eleitoral, no dia 27 de junho de 2023, em que foram eleitos os corpos sociais para o triénio 2023-26. Os membros dos Órgãos Sociais mantiveram-se os mesmos, com exceção do Secretário da Assembleia Geral em que Dymires D’ Assunção da ASDECO de São Tomé e Príncipe que foi substituído pelo Luís Pisco da DECO, por ausência de contacto;
  • o Encontro Internacional organizado pela CONSUMARE, com o apoio da Direção Geral do Consumidor e da DECO, no dia 28 de março de 2023, subordinada ao tema: CONSUMIDORES: como enfrentar os impactos do futuro na defesa do consumidor?” .

Após a apresentação dos documentos, a Presidente da Mesa da Assembleia passou a palavra a Fausto Lichucha, enquanto vogal do Conselho Fiscal para apresentar o Parecer deste Órgão. Este informou que o Conselho Fiscal emitiu parecer favorável ao Relatório de Actividades e Contas, solicitando, porém, alguns esclarecimentos . Maria Inês Dolci e  outros presentes esclareceram as dúvidas levantadas.

O Relatório de Actividades e Contas 2023 foi votado favoravelmente por todos os membros associados presentes, estando disponível a todos os consumidores neste mesmo sítio na internet.

Passou-se para o ponto seguinte – “Atualização dos Estatutos da CONSUMARE”. Maria Inês Dolci disse aos presentes que, ao longo de uma década, mudanças sociais, tecnológicas e legais ocorrem e o estatuto precisa evoluir para refletir essa realidade em constante transformação. A atualização estatutária é essencial para garantir que a organização permaneça alinhada com seus objetivos, valores e as demandas do mundo contemporâneo. Sem ela, corremos o risco de nos tornarmos obsoletos e desconectados da sociedade que servimos. Há vários pontos,  para alterações, principalmente, no que diz respeito ao financiamento da organização, às consequências do não pagamento das quotas e ao combate à não participação nas reuniões e assembleias.

Antes de encerrar a reunião, foi discutido o plano de comemoração do 10º aniversário da CONSUMARE. A Presidente da Direção informou que já está em preparação uma compilação de textos e memórias dos membros fundadores da organização que, assim, vão relatando a génese da Organização, a sua Missão e Valores. Explicou que esta publicação será digital. Está, ainda, prevista a publicação de vídeos alusivos a esta celebração.

Estamos juntos e continuaremos a crescer!

Deixe um comentário